Um Blog é uma janela escancarada...

Aberta a janela da alma, descrevi muito mais que simples sentimentos, convido a todos para viajar neste meu vício, versar sobre tempo,solidão, amor, injustiças, coerências e incoerências de tantas vidas, tantos sonhos e por vezes desilusão...

Renata Rimet

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Ewerton Matos: Renata Rimet-Chuva de Outono-Narração Ewerton Matos

click no título em lilás para ouvir o audio...
Ewerton Matos: Renata Rimet-Chuva de Outono-Narração Ewerton Matos

     O dia amanheceu chuvoso, mas nada tão exagerado que pudesse impedir-me de levantar da cama após tantos sonhos bons e me lançasse as ruas desta cidade.. claro que seria muito melhor ficar ali, sob os lençóis, usufruindo da sua companhia, mas em tese, sonho é sonho, vida real é o que nos espera...

     Tenho muitas coisas a dizer e não sei ao certo que palavras utilizar, talvez seja aquelas coisas ditas com os olhos ou com um simples toque, e palavras realmente não se fazem presente, nem tão pouco necessárias...
     Haverá o momento certo, assim espero, em que olhos vão se cruzar bem perto e saberemos o caminho a seguir, com ou sem palavras...
    Isso deve ser amor, na sua mais profunda essência, ou quem sabe uma espécie de energia que insiste cada vez mais em nos unir, enquanto lá fora a chuva continua, a chuva de outono...

imagem:http://2.bp.blogspot.com/_2r5pklezvkY/SLhFcUgW6XI/AAAAAAAAAPo/bbSzdbGmAbo/s320/1194753418_rosto_na_janela_com_chuva%5B1%5D%5B2%5D.jpg

2 comentários:

  1. Ficou muito lindo, Rê, ontem ouvi o CD inteiro... beiiiiiiiijo

    ResponderExcluir
  2. Muito lindo!
    Há momentos em que realmente não precisamos de palavras, mas tornam-se eternizados por serem únicos!
    Pena que a realidade não é tão lúdica quanto nossos mais doces sonhos.

    Beijos.

    ResponderExcluir